The Walking Dead

Comecei a assistir Lost no final de 2007 e além de todos aqueles mistérios incríveis, o que mais gostava da série era o envolvimento que eu tinha com cada personagem, me apaixonei e odiei vários deles.

Dia 31 de outubro de 2010 estreou nos EUA a nova série The Walking Dead, que nas últimas semanas, já vinha ouvindo lendo rumores de grande expectativa. Ontem o Canal Fox estreou a série aqui no Brasil e também em Portugal (não sei se em outros países também). Para efeito de curiosidade, a série é baseada em um quadrinho do mesmo nome, se quiser baixar, entre neste site.

Não sou muito fã de zumbis, portanto a série só me prenderia com outro tipo de artifício, e conforme citei no início do texto, o que me fez ser amante de Lost foram as pessoas, e logo no 1º episódio de The Walking Dead, já tive vontade de apertar (ou não apertar) o gatilho da arma de um dos personagens num momento “fraterno” ao tentar matar a esposa zumbi. Senti o drama dele, me coloquei no lugar. Caramba, me coloquei no lugar de um homem tentando matar a esposa zumbi. Surreal. Ou seja, gostei de graça!

Hoje pesquisei algumas coisas sobre a série e fiquei sabendo que mesmo a Fox tentando ser legal em nos fornecer a série logo 02 dias depois da estreia nos EUA, acabou cagando em cortar várias partes pra caber mais propaganda e pra passar Doom: A Porta do Inferno. #wrong
Um espectador português fez um vídeo mostrando as diferenças:

Agora é aguardar o 2º episódio!


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s