Steve Jobs (1955 – 2011)

Nenhuma frase pode confortar quem foi influenciado por esse cara.

É uma perda lamentável e eu realmente espero que ele continue sendo inspiração e influência para que as pessoas sejam brilhantes e boas.

Vá em paz, Steve.

E muito, mas muito obrigada.

:/

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

5 pensamentos sobre “Steve Jobs (1955 – 2011)

      • Nossa Jé, ví esse vídeo algumas vezes ontem…

        A CNN, a BBC a Wired e outros tantos canais fizeram suas singelas e emocionantes homenagens com citações desse excelentíssimo visionário.

        Como você disse ali, ‘é uma inspiração e tanto’!

        :*

    • Lindo mesmo o seu post, Léo!

      E você o descreveu muito bem “Perfeccionista, líder visionário, comunicador e apaixonado.”

      Se ele não tivesse todas essas características juntas, algo não seria como era hoje. Mais do que utilidades, ele criou desejos. E trouxe dependência. E benefícios.

      Há seus pós e contras em todas as criações, mas esse cara eu admiro imensamente!

      Obrigada pela visita e palavras. Volte sempre =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s