125 Anos de Coca Cola

Tá aí uma marca que é case de sucesso, absoluto! Começou como energético, era bebida alcoólica, virou remédio, virou refresco e hoje é uma máquina de dinheiro, refrigerantes, publicidade, felicidade e celulite. (Vou ser processada por escrever isso, será?)

É incrível como a Coca-Cola está presente no mundo todo! E no próximo dia 08 de Maio de 2011 a marca completa 125 anos. É muita coisa, man, 125 anos!!

No Brasil, aquele comercial ‘Razões Para Acreditar‘ veio com uma chamadinha dos 125 anos ao final do vídeo e só. As comemorações boas mesmo acontecem na Europa, rs… por lá já é possível ver alguns outdoors, telões 3D, propagandas de revistas, comerciais específicos, decoração em pontos de vendas, rótulos especiais para a data, ímãs colecionáveis e vários outros agradinhos que os fãs adoram.

Os rótulos são esses aqui abaixo, desenvolvidos pelo ilustrador britânico James Jarvis:

Já os comerciais mostram um pedacinho da história da marca, e tem como trilha a canção ‘I´d Like to Teach the World to Sing’ que também já foi usado em um comercial muuuuuito antigo da marca:

Ah, Coca-Cola… =)

Trilogia Vermelha – China

Dai, até o dia 03 de Julho de 2011 você pode ir até a Pinacoteca de São Paulo e ver fotos dos publicitários Mauricio Nahas, Ricardo Barcellos e Paulo Mancini na mostra Trilogia Vermelha – China.

Trilogia porque o projeto todo conta também com “Era uma vez em Havana”, de 2005 e “Cosmos – Três Olhares sobre a Rússia”, de 2007.

A mostra, com 65 fotografias, traz a cultura chinesa, hábitos, costumes, curiosidades, a parte nobre, a parte moderna, a medieval… tem foto de chinês albino, casamento coletivo, comunismo, globalização, enfim, vai lá. É ótimo!

Além da exposição mostra, essas fotos também foram para o livro ‘China’ da editora DBA, com textos de Diógenes Moura, organizador da exposição.

Se julgar que não vale a pena pela China, vale a pena então pra ver alguma coisa pelos olhos destes fotógrafos. Barcellos e Mancini já ganharam 2 leões de prata em Cannes por fotografia cada um. É pouco? Tá bom! O Nahas já ganhou o Conrado Wessel de fotografia. Não sabe o que é? Google, meu bem!

O Cotidiano das Coisas

Sempre que eu vou à um restaurante, pego algum utensílio de cozinha, algum produto no banheiro, qualquer objeto, dou vida aos ‘bichinhos’, rs… Enfeites de mesa adoram conversar com copos! Palito de dentes vira braço, cabelo, garra, espada… Condicionador tem caso com a escova de dentes…  e por a vai.

E descobri que não sou só eu quem faço isso! =)

O artista Terry Border (45 anos, Greenwood) tem surtos de criatividade iguais aos meus! Ele retrata a rotina com objetos inusitados, de maneira bem humorada! É “a vida secreta das coisas do cotidiano” como diz o próprio Border. “Eu fazia esculturas maiores e mais abstratas, mas descobri que não era o meu forte. Comecei a fazer obras menores com arame e comecei a incorporar objetos para fazer coisas mais interessantes. Usei o meu humor, que admito ser um pouco estranho”, diz em entrevista.

Olha que gênio esse cara:

Curtiu, né? Tem mais no site e no blog do cara.

Desperados – Cerveja, Tequila e YouTube

Primeiro que é mexicana, rs… Depois que é cerveja. Depois que é com tequila, ai ai aiiiiii!! Depois que fez a melhor interação com o Youtube que eu já vi!!

Não vou tagarelar muito aqui não, sintam a experiência.

Dá o play, Maca!

http://www.youtube.com/desperados

Ah, o site da marca também é genial e vale o clique. Enjoy!

http://www.imagine-desperados.com/

Barbie Promíscua (NSFW)

Impactante!

Essa é a melhor descrição que eu encontrei pra mostrar à vocês o trabalho sagaz de Mariel Clayton, a “fotógrafa de bonecas com senso de humor subversivo” como a própria se descreve.

Muito mais AQUI.

Girl Power!

O Som do Pi

Sabe o número (π)? Audrey, isso é um símbolo, não é um número, sua mula. É sim pô! É o Pi, ó que bonitinho! (π)

Para você que faltou nas aulas de matemática, rs… o Pi (π) é um número irracional que representa a divisão entre uma circunferência e o diâmetro correspondente, com o valor aproximado de 3,1415926. Aproximado, porque o número quase completo é 3,1415926535897932384626433832795… e continua. Não, eu não lembrava disso, foi o Google que me contou. Ah, é verdade, o Pi (π) também é uma letra do alfabeto grego.

Mas o post é pra mostrar á vocês que um músico americano Michael John Blake fez música com o Pi (π). Calma, eu explico! Por conceito, cada nota musical é associada à um número.  Assim ó:

Do=1; Re=2; Mi=3; Fa=4; Sol=5; La=6; Si=6 e assim por diante.

Notas em sustenido, bemol e etc, todas são associadas à um número. Sendo assim, Michael pegou os 31° números do Pi (π) e fez um arranjo musical bastante agradável. Ele utilizou piano, violão, acordeon, banjo e alguns outros instrumentos e até palminhas.

 

Eu gostei!

Ilustração de ‘Lambuja’

Estou impressionadíssima com as ilustrações desse brasileiro!

Pedro Henrique Ferreira, ou Lambuja, faz preciosidades com lápis e photoshop.

Apreciem e se inspirem: